O que é o remarketing estratégico?

O que é o remarketing estratégico?

O remarketing é uma estratégia de marketing digital que permite buscar de volta um possível cliente que já teve contato com a marca por meio de algum canal. Supondo que você pesquise sobre um produto e, nessa busca, clique em um anúncio. Visita o site, mas não realiza a compra. Algum tempo depois, você recebe ofertas, produtos relacionados ou até mesmo promoções sobre aquele item de pesquisa.

Tudo isso pode parecer uma simples coincidência, mas, na verdade, é o remarketing trabalhando!

Essa é uma das ferramentas mais eficientes do mercado quando o assunto é recuperação de vendas. Porém, muitas marcas ainda não sabem como explorar esse recurso corretamente.

O que é remarketing?
O remarketing significa, de maneira literal, fazer marketing novamente para as mesmas pessoas utilizando o e-mail. Ou seja, é enviar conteúdos, campanhas e anúncios para usuários que tiveram contato com a marca antes.

A intenção é gerar impacto e engajamento mais de uma vez em quem demonstrou interesse em seus produtos ou serviços. Se o nome dessa técnica pareceu um pouco estranho para você, não se espante. Com certeza você já foi alvo dessa estratégia.

Quando você visita uma loja online e esquece algum item no carrinho, é comum receber um e-mail relembrando que esses produtos estão prontos para venda. Ou ainda, como citado no começo deste artigo, quando você vê banners e anúncios na internet de algum produto que pesquisou anteriormente.

Essas e outras ações ajudam a reativar os clientes da base, incentivando-os a tomar alguma ação.

Como o remarketing funciona?
Como você já leu, é possível interagir com pessoas que já viram seus anúncios ou conteúdos do seu site de diversas maneiras. Mas você imagina como esse processo é feito?

Antes de fazer seu anúncio, é preciso que o Facebook, o Google Ads ou a rede na qual você escolheu anunciar, tenham a informação de quem são os usuários que já tiveram contato com seus canais.

Por isso, o Facebook, o Ads, o Taboola ou qualquer outra rede de anúncios, disponibilizam ferramentas para que essas pessoas sejam identificadas antes da criação do anúncio.

Abaixo, veja duas formas para fazer suas campanhas de remarketing e o que você precisa entender.

1. Sua lista de e-mails
A primeira maneira de fornecer dados para as redes de anúncios é com uma lista de e-mail.

No Facebook, por exemplo, é possível integrar uma planilha com contatos de seus leads e direcionar anúncios personalizados para esse público.

Dessa forma, você cria mais um canal de interação com eles, não dependendo apenas da abertura do e-mail, mas comunicando também por meio do Facebook.

Um exemplo prático de como o remarketing pode ser usado para a sua lista de e-mails é quando um Afiliado faz um anúncio no Facebook sobre um produto de culinária para sua lista de e-mails capturados em seu blog de receitas.

Por que é importante investir em remarketing?
Um dos motivos que fazem dessa técnica tão importante é a possibilidade de “refrescar” a memória de quem já foi impactado por seu conteúdo. Isso facilita a interação entre seu site ou campanha.

A decisão de comprar algo pela internet envolve diversos fatores além do preço. São muitas variáveis que se aplicam ao processo, desde o dispositivo que o lead usa, até as avaliações que seus compradores fizeram do produto.

Por esse motivo, muitos empreendedores precisam de mais de uma interação com o consumidor para concretizar a venda. E uma das formas mais eficientes para retomar esse contato é por meio do remarketing em redes como o Facebook e o Google Ads.

Se você der uma olhadinha em seu computador, provavelmente verá um anúncio de um site que você já visitou e deixou de comprar.

Os sites de e-commerce são mestres nessa técnica e você também deve dominar esse processo. Porém, essa ferramenta não se aplica apenas às lojas virtuais.

A decisão de compra de produtos digitais também envolve muitos fatores. Por isso, o remarketing é uma opção mais inteligente para apresentar ao lead mais motivos para ele adquirir seu produto.

Já o motivo para fazer remarketing mais conhecido pelos usuários da Hotmart é poder recuperar potenciais compradores que abandonaram seu site. Afinal, em boa parte dos casos, muitos de seus visitantes vão sair de sua página antes de efetuarem uma compra.

Provavelmente, você também já desistiu de uma compra enquanto visitava uma página de vendas, certo?

Mas se você visitou uma página de vendas, é porque tem um pouco de interesse no que ela está oferecendo. Ao receber o remarketing, você vê o produto novamente e pode acabar percebendo que foi um erro não comprá-lo da primeira vez, o que te leva a concluir a compra.

* Nós, da agência de Marketing Digital 360 Zeal, oferecemos serviços para empresas que querem mostrar seus produtos na Internet, unindo o online e o offline. Entre em contato com nossa equipe!

Fonte: Hotmart

Deixe um comentário