Marketing Digital para Pequenos Negócios

Marketing Digital para Pequenos Negócios

Em tempos de Coronavírus, as micro e pequenas empresas, que representam 99% das empresas brasileiras, passam por um período delicado. Neste momento, o empreendedor precisa buscar alternativas para driblar a crise e, mais do que nunca, o Marketing Digital para pequenos negócios é um forte aliado.

 

Conhecer as ferramentas e possibilidades que o ambiente digital oferece é fundamental para se reinventar e diminuir os impactos negativos causados pela pandemia.

 

Identifique a persona do seu negócio

 

Marketing Digital para Pequenos NegóciosO primeiro passo para ingressar no digital é conhecer a persona do seu negócio, ou seja, o perfil ideal do seu consumidor. A definição da persona é um passo anterior à escolha dos canais digitais, definição de conteúdos e formatos. 

 

Somente após entender quais as características e necessidades do seu cliente, é

que você conseguirá ser assertivo com as ações no ambiente digital. Pense quais são as dores e desejos do seu público, e como você pode supri-los. A partir daí,

planeje os conteúdos que irá divulgar, em quais canais e com qual linguagem e periodicidade.

 

Tenha em mente que pessoas buscam conteúdos relevantes e de qualidade, que resolvam os seus problemas e anseios.

 

Quais os melhores canais para o Marketing Digital para pequenos negócios bombar em 2021Marketing Digital para Pequenos Negócios

 

Conhecendo a sua persona, é o momento de definir os canais. As mídias sociais são poderosas ferramentas para atrair e converter clientes, mas devem ser usadas de acordo com a estratégia de cada negócio. De nada adianta criar um perfil no Twitter, se o público do seu negócio está no Facebook.

 

Por isso, a importância de entender bem quem é a sua persona.

Pense: onde o meu cliente está?

Por meio de quais plataformas consigo interagir com ele?

 

Hoje, as mídias sociais mais utilizadas são Facebook, Instagram, Twitter, Youtube e Linkedin. Cada uma delas tem características próprias e um público que consome informações de formas diferentes.

 

Canais de comunicação que o Marketing Digital para Pequenos Negócios mais atua:

O Instagram e o Facebook são mais visuais, o Twitter é mais textual, o Youtube é para quem deseja trabalhar com vídeos.

Outra mídia que vem ganhando destaque é o Tiktok, um aplicativo para criar e compartilhar vídeos curtos, muito usado pelo público jovem. Em resumo, analise as mídias sociais que fazem mais sentido para o público do seu negócio.

 

Outro canal digital que pode ser usado neste momento é o blog. Eles são excelentes ambientes para compartilhar conteúdos sobre a sua empresa, divulgar produtos e serviços, e dar dicas relacionadas ao ramo do negócio. Mas é preciso ter um planejamento bem definido. Ter um blog demanda que você publique conteúdos

com frequência e otimize o seu texto com títulos, imagens e palavras-chaves (procure saber sobre técnicas de SEO) para ser encontrado nos mecanismos de busca do Google.

Lembre-se: melhor do que estar em todas as mídias sociais ao mesmo tempo, é escolher quais as mais estratégicas e que você tem condição de manter conteúdo e relacionamento com o público. 

Faça um planejamento consistente

 

No digital, planejamento é fundamental. Ele precisa ser a base de atuação da sua

empresa. Por isso, estabeleça um cronograma de ações, pode ser mensal, quinzenal ou até mesmo semanal. Defina os conteúdos e formatos das publicações, assim como o tipo de linguagem, de acordo com o seu público.

 

Monitore constantemente os canais para verificar comentários, dúvidas e interações dos clientes, e seja ágil nas respostas. Lembre-se de ficar de olho nas métricas que as próprias ferramentas digitais oferecem para avaliar os conteúdos que estão dando mais retorno à sua empresa, ou aqueles que precisa mudar ou aperfeiçoar. 

Descubra ferramentas que podem te auxiliar

 

Além das mídias sociais, existem diversas outras ferramentas e aplicativos de Marketing Digital para pequenos negócios que podem ser de grande utilidade para o empreendedor neste momento. A maioria possui versão gratuita e são simples e fáceis de usar. Conheça alguns: 

 

  • Aplicativos de edição de fotos e vídeos (Snapseed, Quik, Instasize, Preview); 
  • Plataformas de design gráfico, que permitem criar diversos conteúdos visuais, como o Canvas; 
  • Plataformas de reunião online (Zoom, Google Meet, Skype, etc.); 
  • Plataformas de armazenamento em nuvem, como o Google Drive, que oferecem uma variedade de aplicativos para criação de planilhas, documentos, apresentações, dentre outros; 
  • Aplicativos de gerenciamento de tarefas, como o Trello e Hibox; 
  • Plataformas de gestão de redes sociais, como a Mlabs; 
  • Plataformas de envio de e-mail marketing, como o Mailchimp;
  • Ferramentas para monitorar o tráfego do seu site, como o Google Analytics ou Similar Web;
  • Aplicativos de comunicação, como Whatsapp e Telegram. O Whatsapp Business, por exemplo, é um aplicativo desenvolvido especialmente para pequenas empresas, que permite criar um perfil do negócio, além de aumentar a interação com

os clientes. 

 

Busque se diferenciar da concorrência

 

Com o grande volume de informações e de empresas migrando para o ambiente digital, o que fará a diferença é a criatividade, a credibilidade e a proximidade com o cliente. Para isso, fique atento às dicas:

 

  • Em primeiro lugar, analise os seus canais digitais: como está a foto de perfil, foto de capa, mensagem automática do Whatsapp, capa dos destaques do Instagram, fotos no Google Meu Negócio, organização do e-commerce? Os seus canais digitais são a personificação da sua marca, então você precisa passar credibilidade.
  • Pense em ações que vão além do objetivo de venda. Elabore conteúdos criativos e

humanizados, que engajem o seu público, permitindo que ele interaja com a sua marca. Podem ser enquetes, desafios, sorteios, promoções, enfim, abuse da criatividade. 

  • Prepare um local organizado da sua casa para fazer fotos e gravar vídeos. Pode ser um “cantinho do stories”, em um cenário que transmita uma mensagem positiva (de alegria, de leveza, de acolhimento).
  • Não divulgue informações nos seus canais sem antes checar a veracidade. Busque referências confiáveis de tudo que for compartilhar. Mostre que você se preocupa com o seu público.
  • Seja transparente com o seu público e preze pelo bom atendimento. Separe uma hora do dia para responder aos comentários, dúvidas e directs. Tenha scripts preparados para que perguntas recorrentes sejam respondidas com maior agilidade e padronização.
  • Deixe claras as informações importantes sobre o seu negócio (prazos, formas de

atendimento e entrega) e os meios para o cliente chegar até você. 

 

Conclusão

Não foque apenas em vender, busque educar e oferecer conteúdo relevante. Se você é dono de uma loja de roupas infantis, por exemplo, dê dicas de brincadeiras que podem entreter as crianças em casa. Se você tem uma loja de doces, que tal mostrar algumas receitas? Ou, se tem uma livraria, que tal indicar alguns livros? 

for o seu negócio, pense em conteúdos que podem ser úteis e relevantes para o seu público, e que irá aproximá-lo ainda mais da sua marca. Por fim, não se esqueça que proximidade e empatia são as palavras de ordem.

Passe mensagens positivas nos seus canais digitais, mostre que você está próximo e que o seu cliente pode contar com você e com a sua empresa. Isso fará toda a diferença. 

 

Fonte: Sebrae

 

Deixe um comentário